fbpx

"Internet das Coisas" torna-se objeto de política pública

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) realizou há pouco no Rio o seminário Internet das Coisas: Oportunidades da Nova Revolução Digital para o Brasil.
O termo "internet das coisas" é gozado. Ele sintetiza a tendência de que tudo, absolutamente tudo, tende a se conectar à internet. Da geladeira ao ar-condicionado, do carro às próprias estradas, passando por plantas, animais, pessoas e produtos.
É gozado também o uso do termo "nova revolução". E também o fato de ter sido organizado pelo BNDES. É possível que a "internet das coisas" seja responsável pelo surgimento da nova onda de empresas bilionárias.
Por isso, o tema já virou política pública em outros países há tempos. Na China, há mais de dez anos a política industrial do país foca-se nele, com vultosos recursos.
Leia mais (05/26/2014 – 02h00)

Comentários no Facebook

× Consulte-nos!