fbpx

Jogos do Brasil com Croácia e México acumulam o maior volume de tuítes da Copa

A partida entre Brasil e México, disputada na terça-feira (17) no Castelão, em Fortaleza, gerou um total de 8,9 milhões de tuítes. A disputa, que terminou em um empate de 0 a 0 pela primeira fase da Copa do Mundo, já é o segundo jogo mais tuítado do mundial de futebol, segundo dados do próprio microblog. Twitter traz de volta hashflags, hashtags com bandeiras dos times da Copa Foram 8,95 milhões de Tweets durante o jogo #BRA e #MEX (Foto: Reprodução/Twitter) saiba mais Como acompanhar a Copa do Mundo com Facebook, Twitter, Instagram e mais No Twitter, Neymar ganha 82,5 mil seguidores por gol na estreia da Copa Como usar o Booboou e reunir em um só feed Facebook, Instagram e Twitter ‘Dronie’ oficial do Twitter registra selfies em Cannes; conheça o robô Instagram na Copa: siga os perfis de jogadores e veja fotos dos bastidores Seleção do Instagram: confira os 23 jogadores mais populares e veja fotos Um levantamento do Twitter mostra que, durante os 90 minutos de bola rolando entre Brasil (@CBF_Futebol) e México (@miseleccionmx), foram gerados 8,95 milhões de tuítes ao redor do mundo, em diversas línguas e países. O que faz o jogo ser o segundo mais popular no microblog nesta Copa, atrás apenas do jogo abertura entre Brasil e Croácia, que reuniu 12,2 milhões de tuítes.

Tem algum grupo para troca de figurinhas do álbum virtual da copa?
Troque IDs no Fórum do TechTudo.

Ainda de acordo com o microblog, o maior pico de tuítes por minuto (TPM) da partida aconteceu quando o goleiro mexicano (@yosoy8a) defendeu uma bola perigosa de Thiago Silva, com uma total de 243.379 TPM.     Neymar e Uchoa no topo Entre os jogadores mais mencionados de cada time se destacam o brasileiro Neymar e o goleiro mexicano Guillermo Uchoa. Thiago Silva e Fred também foram citados pelos internautas, assim como os rivais Chicarito e Andrés Guardado. A Copa do Twitter continua, veja dicas do TechTudo. Os jogadores mais mencionados de México e Brasil, na Copa (Foto: Reprodução/Twitter)

Comentários no Facebook

×

Powered by WhatsApp Chat

× Consulte-nos!