fbpx

Motorola vai manter Android ‘puro’ mesmo após aquisição pela Lenovo

A Motorola manterá o Android quase puro em seus próximos lançamentos, seguindo a linha adotada pelo Google mesmo após a venda da companhia para a Lenovo. A declaração veio do vice-presidente de gerenciamento de produtos da Motorola Mobility, Punit Soni, em hangout aberto realizado nesta quarta-feira (23). Carregador wireless alimenta 40 smarts a 5 metros de distância; veja Moto X e Moto G vão manter Android quase puro em suas próximas gerações (Foto: Luciana Maline/ TechTudo) Ao ser perguntado sobre a manutenção do Android com poucas modificações nas próximas gerações do Moto X e Moto G , o executivo foi categórico. “A resposta é sim. A premissa central da nossa estratégia de software é usar Android puro para oferecer a melhor experiência para o usuário. Basicamente transferimos a experiência dos produtos Google para eles”, explicou. saiba mais LG G2 Mini chega ao Brasil com 4G e Knock Code para derrubar Moto X Smart Android da Amazon terá detector de gestos semelhante ao Kinect Xiaomi, famosa pelos smarts top de baixo custo, vem para o Brasil Qual é o melhor smartphone intermediário do momento? Opine no Fórum do TechTudo   Para a fabricante, poucas modificações no Android têm significado boa aceitação, especialmente devido ao reflexo na autonomia de bateria e desempenho geral do aparelho. Além disso, o uso do Android nessas condições permite atualizações mais rápidas, o que agrada boa parte dos usuários. O uso de software pouco customizado pela Motorola, portanto, teria contribuído para o sucesso dos smartphones Moto G e Moto X. Somente entre janeiro e março de 2014, foram comercializados quase 4 milhões desses aparelhos em todo mundo, o que equivalente a cerca de 60% do total das vendas da Motorola no período. As poucas modificações da Motorola no Android dizem respeito à inclusão de apps como Assist, Care e Migração; além de configurações dual-chip no Moto G e, no Moto X, notificações e comandos de voz exclusivos do aparelho. Via Motorola

Comentários no Facebook

× Consulte-nos!