fbpx

Operador de câmbio de bitcoin é indiciado por lavagem de dinheiro

O empresário e operador de taxas da moeda virtual bitcoin Charlie Shrem foi indiciado por um júri federal em Nova York acusado de lavagem de dinheiro para o site de operações financeiras Silk Road.
Shrem, conhecido como um dos maiores entusiastas da moeda virtual, é acusado de conspirar com um homem da Flórida, Robert Faiella, para vender mais de US$ 1 milhão em bitcoins para os usuários da Silk Road apesar de saber que o dinheiro seria gasto no tráfico de drogas.
Tanto Shrem como Faiella são acusados de lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e omissão em informar às autoridades sobre atividades suspeitas, de acordo com o documento arquivado pelo procurador de Manhattan, Preet Bharara.
Leia mais (04/14/2014 – 19h51)

Comentários no Facebook

×

Powered by WhatsApp Chat

× Consulte-nos!