fbpx

Freedom Wars apresenta uma jogabilidade travada e erros fatais

Freedom Wars é o novo game para o PS Vita. O jogos foi inspirado em Monster Hunter e a parte jogável estava disponível na E3 2014. Ele deve chegar este mês
ainda no Japão, mas somente no final do ano no ocidente. Muito
popular no Japão, o objetivo – capturar os fãs da saga Monster Hunter – não foi atingido. Batman Arkham Knight e Dragon Ball: veja o que rolou no último dia da E3 Freedom Wars será lançado no final do ano. (Foto: Felipe Vinha/TechTudo) Monster Hunter marcou época no portátil PSP da Sony . Ele foi também uma das séries mais presentes nas plataformas Nintendo .
Os fãs ficaram órfãos por algum tempo. Com isso, diversos clones
surgiram, colocando em xeque o próximo legítimo sucessor
de Monster Hunter nas plataformas Sony.

Freedom Wars tenta ser esse sucessor. Ele mistura uma
ficção científica com missões focadas no multiplayer e na ação entre
jogadores cooperando com personagens controlados pelo computador. Apesar
do visual bonito, o game apresenta
uma jogabilidade bem travada e alguns erros fatais.

A presença de muitos slowdowns,
quando jogado em multiplayer, é um exemplo. Durante nosso teste, aconteceu o
impensável: o jogo ficou tão lento que quase travou, e, por isso, nos deixou reféns do monstro que nos atacava. O produtor não soube
explicar e seguiu jogando, como se nada tivesse
acontecido. Como esse jogo precisa de agilidade e ação
sem parar, esperamos vê-lo corrigido na
versão final.

A jogabilidade compensa um pouco este tipo de erro,
já que temos duas possíveis combinações de armas, lâminas ou armas de
fogo que possuem as próprias características. As lâminas, por
exemplo, possuem ainda um tipo de chicote, capaz de se prender a locais e
fazer com que o personagem salte mais alto. Já as armas de fogo fazem
com que seja possível atacar de uma distância segura, ao menos enquanto o
monstro alvo não se aproxima.

Os monstros costumam ser bem
grandes do tamanho de prédios. Então, as batalhas tendem a ser sempre
épicas. As missões envolvem normalmente o resgate de outras pessoas,
que estão presas nestes monstros, que lutam pela liberdade. Assim é
possível coordenar sua cooperação – enquanto um jogador ataca os
monstros, outro resgata os feridos.

Freedom Wars tem sérios problemas que precisam ser
corrigidos até o lançamento para que ele seja um sucessor de Monster
Hunter. O jogo não se parece com seu inspirador em
termos de visual, mas tem jogabilidade
interessante. Qual foi o melhor anúncio da E3 2014? Comente no Fórum do TechTudo. saiba mais The Legend of Zelda e Starfox: veja o resumo do segundo dia da E3 2014 Project Cars e Mortal Kombat X: veja o resumo do terceiro dia da E3 2014  

Comentários no Facebook

×

Powered by WhatsApp Chat

× Consulte-nos!